fbpx

Carreira

O que é TI (Tecnologia da Informação)?

Fernando Vezzali
Escrito por Fernando Vezzali
O que é TI (Tecnologia da Informação)?
Junte-se a nós!

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Se você está por dentro de tudo o que rola em nosso blog, já deve ter notado que muitos de nossos artigos mencionam TI. Como já falamos de vários temas ligados à tecnologia que utilizam esse termo em suas entranhas, chegou a hora de discutirmos o que realmente é TI e como a usamos no dia a dia. Afinal, a arquivo dado não se olha o formato, não é mesmo? 

Direto ao ponto: O que é TI?

Basicamente, a sigla “TI” significa “Tecnologia da Informação”. Segundo o glossário da Gartner, “TI é um termo comum para definir todos os recursos de tecnologia para o processamento de informações, incluindo softwares, hardwares, tecnologias de comunicação e serviços relacionados. Geralmente, sua definição não inclui tecnologias embarcadas que não geram dados para o uso das empresas”.

Dessa forma, é seguro dizer que TI é o conjunto de operações, sejam elas físicas ou lógicas, que podem auxiliar em uma gestão segura de dados e informações para empresas.

Qual a importância da TI?

Sejamos sinceros, qual a empresa que, atualmente, consegue operar sem utilizar Tecnologia da Informação? A resposta é óbvia: nenhuma! Desde o pequeno negócio até a multinacional, todos dependem dessa área para trabalhar. É por isso que você precisa entender o que é TI.

Afinal, o que faz um profissional de TI?

O profissional de TI está ligado diretamente ao desenvolvimento tecnológico de uma instituição ou empresa. A verdade é que esse especialista é muito mais que o menino da informática. Ele é, na verdade, um entendido do assunto, dedicado ao que faz, e pode criar estratégias, fazer a gestão de dados e sistemas, além de cuidar de todo o processo tecnológico de uma corporação.

Uma das funções desses profissionais é levar mais agilidade para a solução dos problemas que podem acontecer com o sistema. Por exemplo, se o software e a ferramenta utilizada em uma gestão de fluxo de informação de uma equipe apresentarem erro e este não for corrigido em tempo hábil, tal omissão poderá interferir diretamente nos prazos de entrega.

Outras funções conhecidas dentro desse ramo: programadores e desenvolvedores. São eles os responsáveis por criar produtos e serviços para o mercado tecnológico, como: softwares, sistemas completos, aplicativos, entre outros. Posso citar, ainda, outras atividades dos profissionais de Tecnologia da Informação:

  • Suporte Técnico em TI;
  • Arquitetura da Informação;
  • Administração de Redes;
  • Desenvolvimento de Sistema;
  • Qualidade de Softwares;
  • Processamento de Dados;
  • Gerenciamento de Banco de Dados;
  • Segurança da Informação;
  • Gerenciamento de Servidores.

Dentre todos esses ramos, destacarei os três que mais demandam de profissionais de TI. Confira, agora, as profissões mais procuradas por empresas e profissionais nesse setor.

Segurança da Informação

O profissional que escolher essa área para trabalhar terá como responsabilidade manter em segurança todos os dados da empresa, o que inclui o desenvolvimento de barreiras que impeçam que qualquer pessoa tenha acesso aos equipamentos, sistemas e servidores da instituição para a qual trabalha.

Suporte Técnico

Em qualquer empresa, podem acontecer problemas técnicos. Por isso, quem trabalha com suporte técnico é responsável por solucionar os mais variados imprevistos, como: dúvidas sobre o funcionamento de softwares, desempenho de computadores, problemas em sistemas operacionais, entre outros. É possível trabalhar na área apenas com cursos técnicos de informática.

Desenvolvimento e programação

Para empresas que trabalham desenvolvendo softwares internamente, seja para gestão de processos ou venda de serviços, o profissional de programação é a peça-chave para a manutenção e a criação.

Nessa área, são muitas as linguagens de programação, por esse motivo, o ideal é que o profissional saiba qual a linguagem de preferência para seguir carreira. É essa escolha que determinará se a pessoa seguirá para o ramo mais voltado à internet ou aos softwares. 

Seja qual for sua escolha, precisará ter um curso técnico em informática ou ensino superior, além de ter o conhecimento específico de cada linguagem.

E a equipe de TI?

As empresas estão entendendo cada vez mais a importância do TI para a esfera organizacional, uma vez que, a cada dia mais, a demanda para essa categoria de estrutura cresce em todas as modalidades de negócios.

Sendo assim, as ferramentas de responsabilidade da equipe de Tecnologia da Informação devem estar antenadas às tendências do mercado e possuir agilidade na solução de problemas específicos. Analisando as áreas organizacionais da empresa, a área de TI pode desenvolver soluções que preparam o negócio em sua totalidade para um mercado cada vez mais dinâmico e imprevisível.

Ter uma equipe dedicada a manter toda a tecnologia da empresa alinhada com as tendências atuais, além de aumentar a eficiência e a confiabilidade dos sistemas embarcados, também garante o funcionamento operacional da organização.

Manter o desempenho de um sistema que integra várias áreas, pode se tornar uma tarefa árdua no dia a dia de uma empresa responsável por organizar negócios e pessoas. Por essa razão, a equipe de Tecnologia de Informação se faz tão importante para manter banco de dados, recursos e sistemas em pleno funcionamento. 

Isso possibilita que tarefas cotidianas, porém repetitivas e muitas vezes extensas, sejam automatizadas, fazendo com que se tornem mais eficientes e sejam realizadas em menor tempo, resultando, é claro, em economia e aumento de produtividade para as estruturas organizacionais da empresa.

Benefícios e a importância do TI nas empresas

Falar de benefícios quando aperfeiçoamos a área de TI de uma empresa pode gerar um artigo à parte. Mas é importante salientar que alguns aspectos do negócio são mais beneficiados quando possuímos sistemas eficientes e uma gestão de dados mais produtiva.

Esses campos são tratados de forma autônoma, mas com sistemas modernos é possível realizar uma integração dinâmica, fazendo com que seja possível ter quadros gerais de desempenho, produtividade melhorada e dados analisados de forma instantânea.

Vejamos quais áreas em uma empresa são mais beneficiadas pela correta gestão da Tecnologia da Informação:

Comunicação

Ter uma comunicação altamente eficiente deixou de ser uma opção há muito tempo. Empresas que se destacam no mercado utilizam sistemas de comunicação inteligentes, que aproximam pessoas e fazem com que a informação necessária para a correta gestão dos dados e operações possa ser muito dinamizada. 

Uso como exemplo o PABX, que deixou de ser aquela grande caixa com inúmeras funções para se tornar o PBX, um software que pode ser administrado através de uma interface intuitiva. Isso faz com que a comunicação interna através de telefone possa ser gerida através de um servidor e aumentar a gama de funcionalidades, sem aumentar necessariamente o custo por isso.

Disponibilidade e Velocidade

Uma boa maneira de destacar os sistemas eletrônicos da Tecnologia da Informação nos benefícios de um sistema organizacional é a liberdade. Ou seja, todos os dados e informações estão disponíveis o tempo todo, em qualquer lugar, de forma rápida e segura.

Além de estar disponível, o acesso à informação é muito mais rápido. Você não precisa procurar por uma ficha em arquivos e catálogos de dados. Basta uma breve pesquisa e o que procura fica disponível instantaneamente. 

Produtividade

Uma vez que melhora a comunicação, está sempre disponível e aumenta a velocidade, a produtividade é alavancada de forma surpreendente. É possível até mensurar a produtividade, de forma escalável, uma vez que se implanta um sistema, ou que se faça alguma integração entre ambientes organizacionais. O fato é: pessoas se comunicam e o resultado dessa comunicação fica disponível a todo momento em qualquer lugar a um clique de distância. 

Segurança

Sistemas informatizados podem apresentar ameaças às informações de seus usuários. Uma estrutura de tecnologia de informação bem planejada, de forma a fechar as brechas e organizar de forma concisa o sistema, pode aumentar a segurança de dados. Usuários desavisados podem não tomar cuidado com dados delicados, mas um arcabouço tecnológico seguro faz com que o usuário, mesmo sem querer, tenha mais cuidados com o sistema que utiliza.

Opções de cursos superiores em TI

Se você chegou até aqui, é porque tem interesse em iniciar-se nessa carreira, então já lhe adianto: é crucial ter em mente que, nessa área, é preciso dedicar-se bastante aos estudos e estar sempre buscando informações novas sobre o mercado.

Para dar início à sua carreira, é importante saber em qual campo quer atuar. Após isso, procure cursos de graduação, que em sua maioria são tecnólogos, para adquirir a formação básica necessária para atuar no meio.

Confira abaixo as formações mais procuradas em TI:

  • Análise e Desenvolvimento de Sistemas;
  • Banco de Dados;
  • Sistemas de Informação;
  • Gestão da Tecnologia da Informação;
  • Redes de Computadores;
  • Engenharia da Computação;
  • Ciência da Computação.

Mercado em crescimento

Temos de convir que a economia nacional não está em seu melhor momento, e infelizmente isso vem se estendendo desde 2016. Com as taxas astronômicas de desemprego e inúmeras empresas baixando suas portas, felizes são os segmentos que conseguem prosperar em meio ao caos. O setor de TI é um deles!

As empresas continuam investindo no setor e contratando profissionais da área para agregar mais valor aos processos internos. Então, não é difícil constatar que o crescimento em TI se manterá firme, assim como as contratações pelas empresas.

Mercado exterior

Se a área está em expansão no Brasil, no mundo ela cresce quase na velocidade da luz. As pessoas que apresentam as qualidades necessárias podem tentar oportunidades em vários países, além de as chances aumentarem na conquista de um salário maior.

Porém, para que isso seja possível, a fluência no idioma do país escolhido é fundamental. De uma forma geral, mesmo quem é profissional em TI precisa conquistar um bom inglês para abraçar outras oportunidades, uma vez que essa profissão lida diretamente com conteúdo disponível em sua maioria na língua inglesa.

Para ser um profissional de valor para o mercado, não deixe de se atualizar e procurar informação de qualidade. Espero tê-lo inspirado a continuar trilhando seu caminho no mercado tecnológico. 

O artigo foi útil para você? Compartilhe ou deixe suas dúvidas e sugestões nos comentários!

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Junte-se a nós!

Entre para a lista VIP

Agora!

Receba conteúdos exclusivos e com prioridade.