fbpx
close

Build 2019

.Net 5 não incluirá Web Forms, WCF nem WWF

Fernando Vezzali
Escrito por Fernando Vezzali
.Net 5 não incluirá Web Forms, WCF nem WWF
Junte-se a nós!

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

A Microsoft apresentou o novo .Net 5 na Build 2019. A idéia é que através de uma única plataforma seja possível construir aplicações que rodem em qualquer sistema operacional (Windows, Mac e Linux) e também em celulares e dispositivos IoT.

Se você é um desenvolvedor .Net em alguma grande empresa, é importante saber como o .Net 5 irá afetar sua aplicação no longo prazo. As decisões tomadas daqui em diante precisam levar em consideração que nem todas as tecnologias existentes atualmente, como Web Forms, WCF e WWF estarão presentes no .Net 5. Vamos ver os detalhes de cada e quais alternativas.

Tecnologias não suportadas no .Net 5

Asp.net Web Forms

O Web Forms não será portado para o .Net 5, se você não sabe Javascript a Microsoft recomenda o uso do Blazor, que era um projeto experimental e foi recentemente oficializado. Outras alternativas são Angular, React e Vue se você sabe JavaScript. Também existe a opção de usar Razor Pages, pois a forma que ele funciona é similar ao Web Forms, não há views nem Controllers.

Já se você usa o ASP.Net MVC, você poderá continuar usando o mesmo stack no ASP.Net Core MVC. Apesar de continuar sendo suportado, se você almeja fornecer a melhor esperiência de uso possível, o melhor caminho é usar SPA (Single Page Application) seja com Angular, React, Vue ou Blazor.

WCF (Windows Communication Foundation)

O anúncio de que o WCF não seria migrado para o .Net Core surpreendeu alguns. Em entrevista ao Podcast DotNetRocks, Scott Hunter da Microsoft contou que a decisão de abandonar o WCF surgiu após constatação de que uma migração para .Net Core levaria 3 anos e o esforço não valeria a pena.

Como alternativa ao WCF, a Microsoft recomenda o uso de gRPC, que é uma solução open-source de alta performance que pode rodar em qualquer ambiente. Ao contrário do WCF, o gRPC não pode ser no IIS no momento pois o HTTP/2 implementado no namespace Http.Sys não suporta trailing headers e este recurso é fundamental para o funcionamento do gRPC.

WWF (Windows Workflow Foundation)

Workflow Foundation também não será migrado para .Net Core. Para quem pretende continuar trabalhando com WWF no .Net Core, a Microsoft recomenda o uso deste fork não oficial: https://github.com/dmetzgar/corewf

Outros destaques importantes

A última versão do C# 8.0 veio com várias novidades, como Async Stream, Ranges, Nullable Reference Types, e Pattern Matching. No entanto estas novidades estarão disponíveis apenas no .Net Core 3 e acima ou seja, o .Net Framework clássico e as verão antigas do .Net Core não poderão usufruir das novidades. Este posicionamento indica que o .Net Framework clássico é no fim e que o .Net Core é o futuro.

Se você está planejando portar uma aplicação do .Net Framework clássico para o Core, você terá que analisar os diferentes módulos da sua aplicação para saber quais deles serão compatíveis ou não. Para facilitar este processo sugere-se o uso da ferramenta .Net Portability Analyzer. Esta ferramenta determina o quão flexível a sua aplicação é quando comparada as plataformas .Net.

Conslusão

Como um desenvolvedor .Net é bom ver o direcionamento que a plataforma está tendo. Todas as áreas estão sendo atendidas: Na area de inteligência artificial, o ML.Net veio para brigar com Python, na Web o Blazor reduz a dependência no JavaScript e nos smartphones o Xamarin continua forte e crescendo. Hoje em dia só com C# você já consegue abranger tudo: do IoT à nuvem.

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Junte-se a nós!

Entre para a lista VIP

Agora!

Receba conteúdos exclusivos e com prioridade.