fbpx

Blockchain

O maior salário: Desenvolvedor Blockchain

Fernando Vezzali
Escrito por Fernando Vezzali
O maior salário: Desenvolvedor Blockchain
Junte-se a nós!

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Você já pensou em ganhar dinheiro, muito dinheiro, com blockchain?

Blockchain é a área atual mais bem remunerada em TI, e está em vertiginoso crescimento. Só para se ter ideia ela tem crescido cerca de 3x mais do que a segunda colocada que é desenvolvimento em Machine Learning.

Vamos entender o que significa blockchain e como você pode se preparar para entrar neste mercado em crescimento. Também vamos entender os salários e como você pode se aprimorar na área.

O que é blockchain?

É uma espécie de grande “Livro Caixa”, que registra vários tipos de informações através de blocos, armazenados em muitos computadores, espalhados pelo mundo.

Essa tecnologia registra, no caso de criptomoedas, o envio e recebimento de valores.

Para entender melhor, a tecnologia é uma espécie de banco de dados, em que as transações ficam armazenadas. A tecnologia não se limita somente a negociações de Bitcoins ou de qualquer outra cripto moeda, podendo ser utilizada para qualquer negociação online.

Esse banco ou “livro caixa” é acessível, de forma criptografada, a todos os computadores conectados.

Então, cada usuário do blockchain, sabe que determinada transação ocorreu, mas não sabe quem são os envolvidos, afinal, a negociação é criptografada. Essa informação fica armazenada para sempre no blockchain, pois, uma vez registrada, ela não pode ser removida ou alterada, de forma que os todos os usuários têm acesso a essa informação.

De forma resumida, Blockchain, que do inglês significa cadeia de blocos, nada mais é que um sistema de registro coletivo, onde as informações presentes são armazenadas em todos os computadores ligados a ela.

Para que preciso estar preparado no mercado blockchain?

Para saber como nos preparar para o mercado, antes de mais nada, precisamos conhecer alguns dos blockchains mais utilizados e quais linguagens eles fazem o uso.

Entender as entranhas do blockchain não é simplesmente conhecer linguagens, mas entender como um mundo novo de troca de informações e comportamentos pode acontecer.

Entenda um pouco de economia. Afinal o blockchain é utilizado na esmagadora maioria das vezes para controle de transações financeiras com criptomoedas e aprender como elas ocorrem e como investimentos deste gênero acontecem é uma característica fundamental para desenvolver para blockchains.

Após conhecer a fundo as particularidades da tecnologia, vamos de fato ao código. Se após algum tempo de estudo na tecnologia decidir que programar para blockchain é realmente o que deseja fique ligado na lista das três mais que preparei para você:

Bitcoin

Esta é a criptomoeda mais utilizada no mundo, e a queridinha de muitos. O bitcoin foi desenvolvido utilizando o C++, portanto, é uma linguagem fundamental para aqueles que desejam programar para esse blockchain.

Ethereum

Essa tecnologia criou uma linguagem própria, derivada do Ecma Script, chamada Solidity. Então se quiser utilizar esse blockchain, não esqueça do Javascript e posteriormente brincar com a documentação e a comunidade da solitity, que superou o Javascript em número de menções no Stackoverflow.

Algumas implementações da Ethereum ainda utilizam o C++ ou Go. Para estudar Solidity, há um vasto material compilado pela equipe de desenvolvimento. 

Decred

A blockchain desta criptomoeda utiliza basicamente a linguagem Go, mas a tecnologia possui diversas aplicações, um dado interessante é que a blockchain Decred foi usada em 2016 nas eleições para garantir a transparência da mesma, através do aplicativo votolegal.

Por onde começar para ser um desenvolvedor blockchain?

O melhor jeito é primeiro entender como sistemas descentralizados funcionam.

É um pouco contra intuitivo pois aprendemos nos cursos e nas universidades que as informações (banco de dados) ficam sempre centralizadas em um único ponto.

Mas se você está começando e quer iniciar seus estudos, um bom ponto de partida é a própria documentação das tecnologias.

Para bitcoin:

https://bitcoin.org/en/developer-documentation

e caso queira um material mais mastigado para começar visite:

https://davidederosa.com/basic-blockchain-programming/bitcoin-script-language-part-one/

Para Ethereum:

https://solidity-portuguese.readthedocs.io/pt/latest/

Há também muitos cursos, inclusive gratuitos sobre o assunto em diversas plataformas de cursos online, como, por exemplo, a Coursera.

É valido lembrar que a maioria das documentações são em inglês.

Como anda o mercado?

Aos poucos o desenvolvimento blockchain está se destacando do puramente desenvolvimento para criptomoedas.

Os desenvolvedores blockchain são desta forma valorizados, pois, por se tratar de uma tecnologia recente, as universidades ainda não acompanharam os seus desdobramentos e o mercado freelance é maior que aquele formado por instituições. Ou seja, os profissionais que se dedicam por conta própria a aprender a tecnologia, são moças-brancas em um mercado com uma expansão cada vez maior.

Um engenheiro de Blockchain, por exemplo, pode faturar 145 mil dólares para aplicar seus conhecimentos as empresas que investem na tecnologia.

Entrando no mercado de trabalho

O fato de desenvolvedores blockchain ainda serem uma espécie consideravelmente rara é um facilitador para se conseguir um emprego na área.

Algumas empresas de criptomoedas no Brasil contratam profissionais desta tecnologia para auxilia-las a manter sua operação, algumas inclusive 24 horas por dia. Como é o caso da Bitcoin Trade, empresa especializada em negociações de criptomoedas. Ou, em outro caso a FoxBit, também especializada em criptomoedas.

A intensificação do blockchain pode ser explicado com a popularidade das criptomoedas. Muitos especialistas definem essa “moda” como passageira. Mas outros dizem ser uma tendência que veio para ficar.

E você o que acha? Deixe seu comentário e me diga qual é a sua maior dificuldade com a tecnologia.

Espero que tenha gostado e até a próxima.

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Junte-se a nós!

Entre para a lista VIP

Agora!

Receba conteúdos exclusivos e com prioridade.